O Ministério Público (MP) mandou abrir instrução com vista a apurar factos relacionados com a gestão da transportadora aérea nacional, TACV, anunciou hoje a instituição na sua página oficial.

“Face às notícias sobre factos relacionados com a gestão dos Transportes Aéreos de Cabo Verde (TACV), à participação apresentada e na sequência da análise de documentos e elementos entretanto recolhidos, o Ministério Público concluiu que existem factos que podem indiciar a prática de ilícitos penais, pelo que ordenou a abertura de instrução”, lê-se no comunicado.

O documento acrescenta ainda que estão em causa “suspeitas da prática de ilícitos penais de infidelidade e participação ilícita em negócios”.

A investigação, diz o comunicado, “deve ser dirigida por uma equipa de magistrados” e o MP será “coadjuvado pela Policia Judiciária em regime de afectação específica de investigadores e por peritos que se mostrarem necessário”.

A TACV, que acumula um passivo de mais de 11 milhões de contos  (100 milhões de euros), está a ser alvo de um processo de reestruturação com vista à sua privatização.

Fonte: Inforpress

Comentar:

0 comments: