Confrontados pelos médicos, os jovens admitiram ter feito uma orgia com o animal.


Quinze adolescentes, de idades entre os 7 e os 15 anos, deram entrada no hospital de Menchra Belqasiri, uma localidade agrícola entre Rabat e Tanger, em Marrocos, com os mesmos sintomas. Era raiva, e contraíram a doença depois de fazerem sexo com uma burra, que estava infetada. 

Os jovens foram ao hospital, alegando que estavam todos doentes, aparentemente com os mesmos sintomas. Quando os médicos fizeram o diagnóstico, aperceberam-se que todos os jovens tinham sido infetados com raiva. 



Confrontados com a situação, os adolescentes admitiram que não tinham sido mordidos por nenhum animal, mas que tinham, ao invés, praticado sexo com uma burra. 

Segundo o LeSiteInfo, o caso criou grande consternação por parte dos populares e das famílias envolvidas. O proprietário do animal acabou por ser obrigado a abater a burra. 


Fonte: CM






Comentar:

0 comments: