Portugal acolhe na noite de hoje a 4ª gala da Miss CPLP 2017 e Cabo Verde vai estar representado pelas modelos Cristilene Pimenta e Dandira Veiga, respectivamente miss e primeira-dama do concurso Miss Cabo Verde 2016.

O evento, que acontece nas instalações da União das Cidades Capitais Luso-Afro-Américo-Asiáticas  (UCCLA), em Lisboa, conta com participação de 18 candidatas de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, sendo duas candidatas para cada país.



Segundo a organização, o concurso Miss CPLP é uma iniciativa na área da cidadania com carácter intercultural e que visa a difusão e a promoção de valores sociais, culturais de inclusão no âmbito da lusofonia e a partilha do conhecimento sobre a diversidade lusófona.

Durante o período de preparação colectiva, as candidatas tiveram oportunidade de promover um “intenso intercâmbio” cultural através de deslocações a diversos locais e workshops sobre a “Diversidade em foco: moda, política, cidadania e identidade”,  apresentado por Jaqueline Fernandes de Sousa Silva, subsecretária da Cidadania e Diversidade Cultural da Secretaria de Cultura do Distrito Federal do Brasil.

A organização, na sua página na Internet, informou que parte do resultado desta 4.ª Gala será doada em prol das vítimas dos fogos florestais em Portugal, uma vez que, nesta época do ano, diversas regiões daquele país europeu estão a ser afectadas por incêndios florestais, causando vítimas mortais, inclusive bombeiros, que têm estado na linha de frente dos fogos.



A gala, que vai contar pela primeira vez com a participação das candidatas da Guiné Equatorial, é uma iniciativa do Comité MISS CPLP em parceria com a Câmara Municipal de Lisboa (Portugal) e a UCCLA, e está aprazada para as 19:30.

A modelo natural de São Vicente Cristilene Pimenta é detentora dos títulos Miss Jorge Barbosa 2015, São Vicente 2015 e Miss Inter-Liceu, enquanto Dandira Veiga, Miss Praia Maria 2016, participaram na Miss Cabo Verde 2016 organizado pela Capital Modell.

Inforpress

Comentar:

0 comments: