Facebook

Jason Fairbanks, de 39 anos, do estado do Arizona, EUA, matou a mulher, a filha de três anos e o filho de 9 meses por estarem a passar por uma fase complicada a nível financeiro. 

O homem matou a família na própria casa e suicidou-se de seguida, segundo avança o DailyMail. O casal vivia com os filhos num local calmo e só foi conhecido o caso depois de Jason não aparecer no trabalho. Um colega dirigiu-se à sua casa e chamou as autoridades quando se apercebeu que algo não estava certo. 


Jason e a esposa eram donos de uma clínica de reabilitação e fisioterapia que, segundo a investigaação da polícia, estava a ter problemas financeiros. 

A irmã de Jason, Laura Fairbanks, descreveu o homem como "protetor" da família e um bom trabalhador. "Ele não era má pessoa, ele amava muito a família", disse.

Fonte: CM

Comentar:

0 comments: