A autoridades judiciais e de saúde procederam esta tarde, por volta das 13:45, ao levantamento de ossadas humanas, que aparentam ser de uma mulher, descobertas em Ponta Bicuda, na localidade de Marrocos, em Achada Grande Trás, na Praia.

Ao que apurou a Inforpress, no local, os esqueletos foram encontrados por um grupo de quatro rapazes que alegadamente estavam a dirigir-se para a costa de Salinas, para apanha de búzio, um marisco muito procurado nestas costas.

Adilson Lopes de Pina, um dos integrantes do grupo que descobriu este caso que despertou a atenção da comunidade de Achada Grande Trás, disse que “as ossadas humanas aparentam ser de uma mulher,” e que estavam expostas, mas escondidas debaixo de uma árvore.



A opinião é corroborada pelos colegas para quem o crânio dava sinais claros de ser uma mulher, adulta, já que havia cabelos compridos presos por fita elásticos e que trajava “bubus africanos”.

Adilson Pina adiantou à Inforpress que logo que tiveram conhecimento alertaram os familiares de um policial vizinho que reside em Achada Grande Trás e que estes contactaram as autoridades, tendo a Polícia Nacional circulado de imediato o perímetro para garantir a segurança.

Um dos integrantes da Polícia Judiciária, que esteve no terreno, assegurou à Inforpress que “efectivamente procederam ao levantamento de ossadas humanas”, para eventuais averiguações, mas que nada mais podiam avançar, a não ser posteriormente pelo gabinete de imprensa desta policia cientifica.

Por: Inforpress

Comentar:

0 comments: