"Ela é insaciável". É assim que um jovem britânico de 24 anos começa por descrever a madrasta, de 37 anos, casada com o pai há quatro, e com quem mantém um caso amoroso. 

Numa carta enviada à coluna sentimental do The Sun, o rapaz conta que os pais se separaram quando este tinha 10 anos. Desde então, que o jovem deixou de ter contacto frequente com a mãe, que refez a vida longe do filho. 

Atualmente, o homem vive com o pai, de 44 anos, e com a irmã, embora esta esteja fora por estudar na universidade. Trabalha num 'call center' de um banco. Garante que não tem uma vida social muito ativa, uma vez que quase todos os seus amigos já têm a própria família e não têm tempo para convívios.  

O caso com a madrasta começou numa manhã em que um cano de água explodiu e provocou um grande aparato na casa da família. "O tubo começou a escorrer da casa de banho para a cozinha. O teto inteiro caiu em cima de nós. Ficámos encharcados, miraculosamente não ficámos feridos", recorda o jovem. 



A mulher de 37 anos ficou com a camisola de tal forma encharcada, que era possível ver os seus seios. "Ela começou-se a tapar e pediu desculpas. Eu disse-lhe que não havia problemas e que não era nada que eu já não 'tivesse visto antes'", conta. 

Depois de limparem a água da cozinha, a madrasta e o enteado subiram para tomar um banho quente. A mulher, que iria primeiro, convidou-o para entrar consigo na banheira. "Se já viste tudo isto antes porque não te juntas a mim", disse a mulher de 37 anos. O rapaz não resistiu. 

"Ela estava tão sensual. Passei os meus braços à volta dela e beijamo-nos. Quando dei conta estava na cama dela e do meu pai a fazer sexo. Senti que estava errado, mas parecia tudo certo naquele momento", explica. 

Agora, a mulher e o jovem de 24 anos envolvem-se sexualmente praticamente todos os dias quando o pai sai de casa para ir trabalhar. "Como trabalho durante a noite não me cruzo com o meu pai de manhã, então vou diretamente à cama da minha madrasta. Sinto-me muito culpado e queria acabar com isto, mas não tenho coragem para o fazer. Acho que gosto realmente daquela mulher", conclui. 

Fonte: cm

Comentar:

0 comments: