Uma mulher cabo-verdiana, de 23 anos, natural de Santo Antão, foi morta pelo namorado na casa onde ambos residiam em Odivelas, Portugal. Segundo avança o Correio da Manhã, a jovem terá sido estrangulada até à morte  com uma corda ao pescoço, tendo o homicida, um cidadão paquistanês,  entregado à PSP de Odivelas após cometer o crime.

As informações sobre este crime ainda são escassas, mas ao que se sabe, tudo terá acontecido no inicio da noite de sábado, por volta da 18h50, no interior da habitação onde ambos residiam no bairro da Encosta da Lusa, em Odivelas. O homem terá estrangulado Silvina Magali Santos até à morte com recurso a uma corda.

Após ter a certeza que a companheira estava morta, o imigrante paquistanês saiu de casa ao volante do carro e conduziu até à esquadra da PSP de Odivelas, onde acabou por confessar o crime.


O criminoso acabaria por regressar a casa algemado e acompanhado pelos policiais, mostrando-lhes o corpo de Silvina Santos.  De imediato o acesso ao prédio onde ocorreu o crime foi interditado, tendo o mesmo sido vistoriado por inspetores da Secção de Homicídios da Polícia Judiciária de Lisboa, que iniciaram a investigação. 

O cadáver de Silvina Magali Santos foi removido, ao final da noite, por agentes do serviço de automaca da PSP. Encontra-se neste momento no Instituto de Medicina Legal de Lisboa, onde será autopsiado. 

O homicida ficou detido na esquadra da PSP de Loures e será presente ao juiz durante o dia de hoje.

C/ CM



Comentar:

0 comments: