O primeiro-ministro de Moçambique, Carlos Agostinho do Rosário, condenou hoje o rapto e a agressão ao jornalista moçambicano Ericino de Salema, na última terça-feira, mostrando-se confiante no esclarecimento do caso pelas autoridades policiais.

Segundo avança a Lusa, Carlos Agostinho do Rosário, que falava na Assembleia da República, durante a sessão de perguntas dos deputados ao Governo, afirmou que o executivo repudia o atentado à vida e integridade física dos cidadãos.

"Queremos reiterar aqui e agora a nossa inteira confiança nas autoridades policiais, no seu trabalho de combate ao crime no encaminhamento dos seus autores à justiça", garante o primeiro-ministro moçambicano. 


Comentar:

0 comments: