O Supremo Tribunal de Justiça de São-Tomé e Príncipe foi assaltado na madrugada da última segunda-feira, 26, com os assaltantes a levarem 58 cápsulas de cocaína, deixando farinha para as substituir, avançaram fontes policiais à agência de notícias de São Tomé e Príncipe. 

Em declarações à mesma fonte, os policiais afirmaram que os arquitetos desta insólita operação substituíram as cápsulas de cocaína por farinha de trigo, e em mesma quantidade.

Os assaltantes continuam ainda a monte, mas a Polícia de Investigação Criminal, PIC de São Tomé e Príncipe já terá pistas a seu respeito. 

As cápsulas de cocaínas estavam guardadas no cofre do Supremo Tribunal de Justiça no âmbito dos processos criminais relativos ao tráfico e consumo deste produto.

Este assalto acontece menos de uma semana depois da detenção, no aeroporto internacional de São-Tomé, de um cidadão da Guiné-Bissau proveniente do Brasil, e que transportava no estomago 58 cápsulas de cocaína.

C/ STP-Press



Comentar:

0 comments: